André Mendonça é criticado por governistas ao votar contra Daniel Silveira

André Mendonça é criticado por bolsonaristas | Foto: Reprodução

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), André Mendonça, foi criticado por deputados governistas ao votar a favor da condenação do deputado federal Daniel Silveira (União Brasil) acusado de estimular atos democráticos e ameaçar instituições, como o STF. A Corte formou maioria para condenar o parlamentar a 8 anos e 9 meses de prisão e à perda de mandato e dos direitos políticos, o que o torna inelegível.

Mendonça seguiu os demais colegas e foi a favor da condenação, mas propôs uma pena de 2 anos e 4 meses de prisão, menor do que a de 8 anos e 9 meses sugerida pelo relator do processo, o ministro Alexandre de Moraes.

O único voto contra a condenação de Silveira foi do ministro Kássio Nunes que rendeu elogios por parte dos governistas. Mendonça e Nunes foram indicação de Jair Bolsonaro (PL).

A deputada federal Carla Zambelli (PL-SP), comparou os votos entre Kássio Nunes e André Mendonça.

Junio Amaral (PL-MG) parabenizou Nunes Marques pelo voto a favor de Silveira.

A deputada estadual Janaína Paschoal (PRTB-SP) também criticou a condenação do parlamentar.