AstraZeneca retoma testes de vacina contra Covid-19

O grupo farmacêutico AstraZeneca anunciou neste sábado (12) a retomada dos testes clínicos para desenvolver uma vacina contra a Covid-19. A etapa havia sido interrompida devido à doença de um voluntário.
O grupo recebeu a autorização da agência reguladora britânica para a retomada.
A AstraZeneca anunciou na quarta-feira a interrupção “voluntária” dos testes da vacina que desenvolve em parceria com a Universidade de Oxford, depois de detectar que um dos voluntários havia desenvolvido uma doença “inexplicável”.
Um comitê independente examinou e aprovou as medidas de segurança dos testes.
A vacina da AstraZeneca é uma das nove que estão sendo testadas atualmente no mundo em larga escala em seres humanos, o que é conhecido como Fase 3.
A vacina AZD1222 utiliza uma versão mais benigna do adenovírus que provoca o resfriado comum.
Mas ele é modificado geneticamente para lutar contra a proteína que a Covid-19 utiliza para invadir as células humanas.
Ao ser vacinado, o paciente começa a produzir esta proteína, o que permite ao sistema imunológico atacar o coronavírus em caso de infecção.

Confira a matéria: