Biden endurece discurso contra Putin e anuncia mais sanções em seu 1º Estado da União

Biden em discurso no Congresso — Foto: Jabin Botsford/ Pool via AP

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, endureceu seu discurso contra o presidente Vladimir Putin e anunciou mais sanções à Rússia pela guerra na Ucrânia, nesta terça-feira (1º), em seu primeiro Estado da União, tradicional pronunciamento que acontece uma vez por ano no Congresso americano.
“Há 6 dias, Vladimir Putin, da Rússia, achou que iria abalar as próprias fundações do mundo livre, pensando que poderia fazê-lo se curvar aos seus caminhos ameaçadores, mas ele teve um erro de cálculo, ele se deparou com o povo ucraniano”, disse Biden.
Biden também citou o discurso do presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, ao Parlamento Europeu e agradeceu a presença da embaixadora ucraniana em Washington, Oksana Markarova, que foi aplaudida de pé.

“Estamos com o povo ucraniano”, destacou Biden.

O americano defendeu a importância da diplomacia americana e da aliança militar Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), formada pelos Estados Unidos e mais 29 países. 
“É por isso que a Aliança da Otan foi criada, para garantir a paz e a estabilidade na Europa após a Segunda Guerra Mundial. Os EUA são membros junto com outras 29 nações. Isso importa. A diplomacia americana é importante.”
Mais sanções à Putin
Joe Biden também anunciou o fechamento do espaço aéreo americano para voos russos e uma série de sanções econômicas “robustas” que vão “machucar”.
“Putin sabe que está isolado como jamais esteve, e nós estamos juntos. Juntos com nossos aliados estamos agora garantindo as sanções poderosas contra eles”, disse o presidente americano.
Biden garante, no entanto, que vai proteger empresas e consumidores americanos dos efeitos colaterais. Para isso, ele anunciou a liberação dos estoques de emergência de petróleo dos EUA e aliados. Serão ao todo 60 milhões de barris, destes, 30 milhões apenas das reservas americanas.
O presidente americano disse ainda que o Departamento de Justiça dos EUA vai investigar e punir oligarcas russos envolvidos em atividades criminosas.
O que é o Estado da União?
Estado da União é o discurso do presidente que ocorre todos os anos em uma sessão conjunta do Congresso americano. No evento, o chefe de Estado e de governo presta esclarecimentos aos parlamentares, militares e integrantes da Suprema Corte sobre a atual situação do país, os planos e prioridades do ano.