Brasil tem 500 mil influenciadores digitais, o mesmo número de médicos registrados

Influenciadores digitais | Foto: Reprodução

O número de influenciadores digitais no Brasil já alcançou o número de médicos registrados no Conselho Federal de Medicina (CFM) em 2022. Foi o que divulgou a Folha de S. Paulo, citando um estudo da multinacional Nielsen, já são 500 mil influenciadores digitais no Brasil.  

Os considerados influenciadores são as pessoas que têm pelo menos 10 mil seguidores nas redes sociais. De acordo com a empresa de marketing digital de influenciadores digitais, SamyRoad, os com 10 mil a 20 mil seguidores são chamados de micro influencers e chegam a ter um faturamento de até R$ 15 mil.

Existem outros níveis: 

  • Médios influenciadores: entre 20 mil e 200 mil seguidores. Faturamento de até R$ 30 mil.
  • Macro influenciadores:  entre 200 mil e 1 milhão de seguidores. Faturamento de até R$ 100 mil mensais.
  • Mega influenciadores: com mais de 1 milhão de seguidores. Faturamento estimado de R$ 500 mil mensais.

No entanto, as contas estimadas correspondem a parcerias dos influenciadores com marcas, já que a maioria das redes sociais, assim como o próprio Instagram não monetiza os conteúdos.

De acordo com um levantamento do Fórum da Autorregulação do Mercado Publicitário (Cenp-Meios), em 2021, o valor faturado por publicidades nas redes sociais foi de R$ 1,43 milhão. O valor é maior do que a soma entre o faturamento em jornais, rádios e revistas (R$ 1,2 milhão).