Capitão Wagner se solidariza com Camilo após fake news envolvendo filho do petista

O deputado federal Capitão Wagner (Pros), opositor de Camilo Santana (PT), usou suas redes sociais nesta quarta-feira (19), para se solidarizar com a situação envolvendo fake news contra o governador e sua família. Em publicação, Wagner afirmou que, “na condição de pai”, lamenta o ocorrido. “Na condição de pai, me solidarizo com o governador Camilo Santana em virtude da situação de saúde de seus filhos e em virtude das fake news em relação à sua própria saúde! Lamentável que numa situação como essa queiram envolver questões políticas e ideológicas”, escreveu o deputado.

Camilo Santana diz ser mentira que ele foi internado com Covid-19 e que filho já teve alta

No início da tarde de ontem (20), o chefe do Executivo cearense desmentiu uma informação de que estaria internado com Covid-19 e “escondendo a doença”. Ele afirmou que os filhos foram infectados e o mais novo, José, chegou a ser internado, mas já teve alta.

Mais cedo, Camilo alegou ter feito testes constantes e que todos deram negativos. “Não bastasse toda a angústia passada com os filhos doentes, e ainda nos deparamos com esse tipo de comportamento desumano de algumas pessoas”, criticou o petista. “Lamento muito e peço que pessoas que vivem de espalhar fake news coloquem a mão na consciência e respeitem o próximo. O que me alivia é saber que o mal jamais prevalecerá”, completou.