Ciro Gomes chama dono do Coco Bambu de “vagabundo”

Ciro Gomes ataca dono do Coco Bambu | Foto: Reprodução

O ex-governador do Ceará, Ciro Gomes (PDT), realizou ofensas ao sócio-proprietário da rede Coco Bambu, Afrânio Barreira, chamando de “vagabundo”. O político não poupou críticas ao empresariado que apoia Bolsonaro em Fortaleza. 

De acordo com Ciro, há uma série de “inescrupulosos” que apoiam o presidente na capital cearense.

A declaração foi feita no programa Em Cima do Muro, do canal “Dois dedos de Teologia”, na noite da última segunda-feira (2)

 “Tem 50 restaurantes no Brasil e no mundo. Cada um deles têm uma razão social para não pagar imposto. Por isso que são bolsonaristas. São todos marginais”, disparou Ciro sobre o dono do Coco Bambu.

O empresário Afrânio Barreira informou que em breve falará sobre o assunto.