Ciro Gomes diz que presidente da Caixa é ‘bandido’ e tem que ir para a cadeia

O presidente da CAIXA, Pedro Guimarães | Foto: Reprodução

O pré-candidato à presidência da República Ciro Gomes (PDT) disse nesta quarta-feira (29), durante participação em evento promovido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) com presidenciáveis, que o presidente da Caixa Econômica Federal é “bandido” e tem que ser preso.

“Uma autoridade pública que usa do seu poder para constranger sexualmente mulheres é um bandido. Tinha que ser demitido e responder pela cadeia”, declarou Ciro. 

Pedro Guimarães está sendo investigado pelo Ministério Público Federal (MPF) por suposto crime de assédio sexual contra funcionárias da instituição.

Guimarães pode deixar a presidência da empresa ainda nesta quarta-feira (29).                         

Ciro Gomes participa de evento da CNI, em Brasília, com outros presidenciáveis.