Ciro Nogueira e Flávia Arruda foram afastados para tratar de “assuntos particulares”

Ciro Nogueira e Flávia Arruda foram afastados para tratar de “assuntos particulares” | Foto: Reprodução

O Diário Oficial da União publicou na última quarta-feira (12), que o presidente Jair Bolsonaro (PL) afastou os ministros Flávia Arruda (PL), da Secretaria de Governo, e Ciro Nogueira (Progressistas), da Casa Civil.

Flávia ficará afastada até o dia 21 de janeiro, enquanto o afastamento de Ciro Nogueira vai até esta segunda-feira (17). Segundo o texto do Diário Oficial, os ministros foram afastados para “tratar de assuntos particulares”.

Flávia Arruda, que é deputada federal, foi empossada no dia 6 de abril de 2021 em uma reforma ministerial promovida por Jair Bolsonaro, que colocou no governo outros nomes como Walter Braga Netto (Defesa), Luiz Eduardo Ramos (Casa Civil) e Carlos Alberto França (Relações Exteriores).

As mudanças ocorreram depois da divulgação da carta de demissão de Fernando Azevedo e Silva, então ministro da Defesa.