Eduardo Pazuello se filia ao PL para disputar vaga na Câmara dos Deputados

Eduardo Pazuello se filia ao PL para disputar vaga na Câmara dos Deputados | Foto: Reprodução

O ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello se filiou ao Partido Liberal (PL) para disputar uma vaga na Câmara dos Deputados pelo Rio de Janeiro. A expectativa inicial era que ele migrasse para o Partido Progressistas (PP), mesma sigla de Ciro Nogueira, responsável pela pasta da Casa Civil. 

Eduardo Pazuello foi ministro da Saúde durante o pico da pandemia da Covid-19, assumindo o cargo interinamente em maio de 2020 e efetivado em setembro. Em março de 2021, ele foi demitido do Ministério da Saúde. 

A saída do general da pasta foi em meio a acusações de omissão após dar declarações na CPI da Pandemia.

O Exército abriu em 24 de maio um processo administrativo contra o ex-ministro da Saúde pela participação em ato favorável ao governo federal em 23 de maio. Houve aglomeração no evento, que incluiu um passeio de moto com a presença de Bolsonaro. O Exército informou no mês de junho que não iria punir Pazuello, impondo sigilo de 100 anos ao processo.

O general voltou ao governo federal como secretário de Estudos Estratégicos da SAE (Secretaria Especial de Assuntos Estratégicos), onde foi indicado para o cargo no Palácio do Planalto por Luiz Eduardo Ramos, então ministro da Casa Civil da Presidência da República. 

O ex-ministro, vale lembrar, se aposentou do cargo de general da ativa do Exército em fevereiro para que fosse possível a candidatura ao pleito de 2022.