Grandes cruzeiros voltam ao mar no Mediterrâneo

O primeiro transatlântico a voltar ao Mediterrâneo zarpou neste fim de semana de Gênova, na Itália.
A saída do “MSC Grandiosa”, da MSC Cruzeiros, representa um teste de risco para o setor, tanto no mercado-chave do Mediterrâneo quanto em outras regiões.
A indústria dos cruzeiros foi fortemente atingida pela crise econômica provocada pela pandemia.
O setor também foi críticado por causa da gestão da pandemia dentro dos navios no momento dos primeiros casos.

A Costa Cruzeiros decidiu adiar para setembro o retorno parcial de seus navios ao mar.
O setor dos cruzeiros representa na Europa um volume de negócios de 14,5 bilhões de euros por ano o equivalmente a 94 bilhões de reais.
O setor gera 53 mil empregos, segundo a Associação Internacional das Companhias de Cruzeiros.
A organização calcula em cerca de 25,5 bilhões de euros o prejuízo gerado na Europa pela interrupção das viagens.

Confira a matéria:

Foto: AFP