Prisão de casal com R$ 31 mil em comprovantes no valor do auxílio emergencial é realizada no Ceará

Investigação da Polícia Federal averigua se houve a ocorrência de fraudes no auxílio emergencial distribuído durante o período da pandemia. O casal foi preso por conta de suspeitas de realização de saques fraudulentos do auxílio emergencial em Icó, localizado na Região Centro-Sul do Estado, durante esta quinta-feira (10). Os parceiros estavam com uma quantia de R$ 31 mil, aparelhos celulares, comprovantes e cartões bancários.

De acordo com a Polícia Militar, havia uma equipe realizando uma ronda na Rua D, no Bairro Joaninha Sobral, no momento em que avistaram um veículo com atitudes suspeitas. Os policiais questionaram o casal, e ambos, homem e mulher, ficaram nervosos com os questionamentos. Diante da situação, os agentes efetuaram uma busca no carro e encontraram dinheiro além de todo o material.

O homem e a mulher foram encaminhados para a Delegacia Regional de Icó por conta de suspeitas de estelionato. Ambos foram ouvidos e liberados posteriormente, não houve flagrante. O caso teve encaminhamento para a Delegacia Federal de Juazeiro do Norte por haver uma quantia considerável em dinheiro, e por conta dos documentos do auxílio emergencial do Governo Federal. A Polícia Federal recebeu a ocorrência e está investigando o crime