Priscila Costa propõe a criação de programa de acolhimento a crianças em vulnerabilidade

Vereadora Priscila Costa | Foto: Divulgação

A vereadora conservadora Priscila Costa (PL) protocolou na Câmara Municipal de Fortaleza um projeto de lei que cria o Programa Voluntário Acolhedor, que visa atender, em unidades de saúde, crianças e adolescentes vítimas da dependência em substâncias químicas e em casos de abandono, perda, suspensão ou extinção do poder familiar.

“A ideia é que recém-nascidos em risco de morte ou violência pela condição de dependência química da mãe possam ser acolhidos por voluntários na cidade”, ressalta a parlamentar.

O PL também estabelece o estímulo à participação de voluntários do Programa de Banco de Leite Humano, atuando em conformidade com o direcionamento de enfermeiros e assistentes sociais responsáveis pela condução do programa nas unidades de saúde do município de Fortaleza.

“O projeto de lei propõe a criação de um banco de voluntários que serão qualificados e treinados para promover o acolhimento. Eles darão tempo de afeto e cuidados às crianças dentro de uma unidade de saúde. É uma forma de dar carinho e cuidado a crianças que estavam em risco. É um voluntariado de afeto.”, finaliza a vereadora Priscila Costa.