Projeto ensina pessoas a partir dos 60 anos a usar a internet

O “Chá tecnológico e social” é uma ação gratuita realizada pelo Instituto Idear que capacita idosos nos primeiros contatos com o digital

CONEXÃO SEM LIMITE DE IDADE | Foto: Divulgação

A ideia de que o uso das tecnologias não interessa às pessoas da terceira idade ficou para trás. Porém, grande parte da população, principalmente de baixa renda, ainda não tem acesso à internet ou conhecimento básico para usá-la. Embora o número de pessoas conectadas seja importante para a globalização tecnológica, ainda há muito trabalho para incluir mais idosos no digital.

O Instituto Idear, por meio do projeto “Chá Tecnológico”, segue promovendo a inclusão digital da população idosa de forma gratuita. Em três edições, foram mais de mil pessoas capacitadas, com encontros no formato presencial e virtual. Além, de dar suporte com material didático e um tablet, com internet, para acompanhar as aulas.

O projeto é realizado por meio do Fundo do Idoso, que visa a garantia de direitos da pessoa idosa, gerido pelos respectivos conselhos em níveis estadual e municipal.

CHÁ TECNOLÓGICO
As primeiras edições do projeto aconteceram entre 2019 e 2021, com 483 pessoas beneficiadas somente no município de Maracanaú. No Ceará, foram 385 idosos de diferentes municípios, todos com o acesso a tablet e internet para acompanhamento e participação nas atividades do projeto, que ao final do itinerário formativo foram doados aos participantes.

Atualmente, o Chá Tecnológico em Maracanaú está capacitando mais 400 (180 já iniciaram) pessoas maiores de 60 anos. Incluindo novos participantes e veteranos de outras versões que quiseram aprofundar ainda mais os aprendizados adquiridos nas edições anteriores.

INSTITUTO IDEAR
O Instituto Idear é uma instituição sem fins lucrativos que atua há 15 anos realizando projetos sociais voltados para crianças, jovens e adultos, com sede no município de Maracanaú, no estado do Ceará.

Conheça mais os projetos no www.idear.org.br